2º turno: o que fazer agora?


Não nego meu voto no 1º turno para a Marina Silva, porque ela foi a candidata mais próxima aos meus ideais. Outra questão bastante abordada por jornalistas da Globo nesta manhã posterior às eleições, foi sobre o crescimento e fortalecimento da ex-candidata à presidência da república, porque houve muitas discussões sobre ela, mesmo após sua derrota.

A questão agora é: em quem votar? Cheguei a pensar em anular meu voto nesse segundo turno. Mas, será que essa será a melhor opção realmente? Acredito que a população desconheça a função do voto nulo: se a maioria da população anular seu voto, é obrigatório que novas eleições sejam convocadas e com candidatos diferentes. Você sabia disso?

Bom, por enquanto estou analisando minhas opções. Tenho tempo: até o dia 31/10 para decidir. Vou pensar com carinho.

Abaixo, segue um texto que recebi por e-mail (que dizem ser do Arnaldo Jabor), em todo caso, é interessante:

VOTE NA DILMA !
as promoções da época!

Vote na Dilma e ganhe, inteiramente gratis, um José Sarney de presente
agregado ao Michel Temmer.
 
Mas não é só isso, votando na Dilma você também leva, inteiramente grátis
(GRÁTIS???) um Fernando Collor de presente.
 
Não pense que a promoção termina aqui.
 
Votando na Dilma você também ganha, inteiramente grátis, um Renan
Calheiros e um Jader Barbalho.
 
Mas atenção: se você votar na Dilma, também ganhará uma Roseana Sarney no
Maranhão, uma Ideli Salvati em Santa Catarina e uma Martha Suplício em
S.Paulo.
 
Ligue já para a Dirceu-Shop, e ganhe este maravilhoso pacote de presente:
Dilma, Collor, Sarney pai, Sarney filho, Roseana Sarney, Renan Calheiros,
Jáder Barbalho, José Dirceu, Delúbio Soares, José Genoíno, e muito, muito
mais, com um único voto.
 
E tem mais, você também leva inteiramente grátis, bonequinhos do Chavez,
do Evo Morales, do Fidel Castro ao lado do Raul Castro, do Ahmadinejad, do
Hammas e uma foto autografada das FARC´s da Colombia.
Isso sem falar no poster inteiramente grátis dos líderes dos bandidos “Sem
Terra”, Pedro Stedile e José Rainha, além do Minc com uniforme de
guerrilheiro e sequestrador.
 
Ganhe, ainda, sem concurso, uma leva de deputados especialistas em
mensalinhos e mensalões. E mais: ganhe curso intensivo de como esconder
dinheiro na cueca, na meia, na bolsa …, ministrado por Marcos Valério e
José Adalberto Vieira da Silva e José Nobre Guimarães.
 
Tudo isto e muito mais..
”  

(TSE retira esse comentário do Arnaldo Jabor do Site da CBN)

Contatos:
(12) 9749-3912 / (12) 9104-6202 / (12) 8822-6263 / (12) 8195-2908

Anúncios

2 comentários sobre “2º turno: o que fazer agora?

  1. Michelly, o Arnaldo Jabor, como sempre, só distila veneno. Parece que é mania
    do brasileiro ater-se a tudo que represente algo negativo. Não vejo ninguém
    considerar os dois pratos da balança da justiça e pesar os lados bons da Dilma junto aos negativos, e veja que, nesse governo petista, as coisas positivas superaram, de longe, as negativas. Por que esquecer que nos livramos do FMI no qual estávamos atolados graças aos tucanos? Por que não considerar como ultrapassamos a crise economica mundial, quando tantos paises do 1º mundo (!!!) afundaram suas economias? Por que não considerar todos os beneficios concedidos à classe mais pobre como os financiamentos da Caixa a juros mais baixos? Por que não lembrar que, quando o governo tucano deixou o poder, os juros estavam em 27% ? O bolsa familia é tão criticado por quem está de barriga cheia e nunca soube o que foi passar fome de verdade, e não fome porque não tem um hamburguer do McDonald. Infelizmente, só ouço criticas das classes ditas “elite”, mais abastadas, e que estão de barriga cheia! Céus, voltar nos tempos, para que? Por que não ver que o Brasil nunca teve tanta credibilidade no exterior como agora! Economia estável, investimentos estrangeiros sem sustos. Acho mesmo que enaltecer problemas é mania de brasileiro. As coisas podem não ser 100%, mas querer isso, é utopia.
    Vamos tirar os antolhos, vamos olhar nosso horizonte mais lindo, nosso futuro mais sereno, NUNCA ESTIVEMOS MELHOR! Essa é a verdade.

    Curtir

    1. Olá! Respeito sua opinião, no entanto, o que insisto em dizer em meus textos é referente à necessidade de se promover o incentivo à Educação e não à vulnerabilidade. O ser humano está vulnerável à política e ao governo. Porque não investir na educação ao invés de dar tudo de mão beijada à população? Concordo que os mais pobres se beneficiaram. Mas, tiveram tudo de mão beijada! Eles precisam entender que é necessário se esforçar para conquistar o que precisam para sobreviver, e isso, infelizmente, está longe de acontecer no Brasil com a candidatura da Dilma.

      Essa é minha opinião.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s