A voz do Rádio…


…essa voz que ecoa nos corações mais humildes de pessoas que não tiveram muita oportunidade de serem e fazerem acontecer.

O Rádio é a voz que emana para tocar corações, seja com palavras repletas de emoção ou de verdade. Posso dizer que, mais do que tocar, o Rádio promove a reflexão e a criatividade como acontece com o livro. Desperta a imaginação do que não se pode traduzir com imagens e é um importante veículo para aqueles que, de alguma forma, não possuem o sentido da visão.

O Rádio, como o livro, desperta a criatividade e não permite que a “preguiça” que a TV provoca tome conta de seus ouvintes; porque a TV pode até provocar emoções, mas essas emoções têm a interpretação de quem as idealizou e não da liberdade para quem assiste desenvolver suas próprias ideias de acordo com o seu mundo e sua realidade cultural.

O Rádio, como o livro, tem essa autonomia de criar imagens próprias e únicas, sem produção ou leves doses de irrealidades que servem apenas de ilustração para uma palavra. O Rádio é real, imediato e livre de amarras. É antigo mas permite que o regionalismo seja o imperativo, coisa que hoje a TV tenta a todo custo alcançar.

O Rádio, como o livro, tem o poder de atingir a todos, mas o livro não é capaz de chegar às pessoas desprovidas de visão. Essa é a beleza do rádio, e também a responsabilidade dos profissionais que lidam com este veículo especial.

Diferente do livro, o rádio é atual e, por isso, perene porque sempre terá o seu público, da mesma forma que todos os outros veículos midiáticos. Mas, o rádio tem a voz, que remete à voz de algo que parece ser inatingível, desconhecido e, por isso, cativante, quase divino. Uma voz que ao mesmo tempo aparenta ser distante, é muito presente e acessível no jornalista que busca satisfazer o povo, a verdade e modificar a realidade de acordo com o grau de erraticidade na qual se encontra, provocando autoridades públicas e privadas.

O Rádio também é a extensão da voz do povo. O povo fala por meio das ondas radiofônicas para ser escutado e atendido em suas necessidades. Não existe veículo tão completo e acessível quanto este. Ainda não tiveram a capacidade de inventar algo tão bom e prático como o rádio, mesmo com tanta tecnologia.

O Rádio é a voz do povo, da alma e a melodia da vida em forma de música.

Como jornalista, devo dizer que o rádio é o principal veículo de comunicação existente que não tem prazo de validade e atinge as batidas do coração de quem não pode enxergar as belezas que a TV e o livro podem mostrar, mas que o rádio consegue interpretar com fidelidade.

Só pra discontrair um pouco e liberar um pouco de endorfina:


Contatos:
(12) 9749-3912 / (12) 9104-6202 / (12) 8822-6263 / (12) 8195-2908

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s