Ação Policial assusta população de Guaratinguetá/SP, mas promove segurança eficiente


Nesta quinta-feira (05/05), a Polícia Militar de Guaratinguetá realizou uma ação supresa denominada de Ação Força Comunitária Contra o Crime na cidade.

A população estranhou a quantidade de policiais pelas ruas e muitos curiosos ficaram cheios de interrogações em suas cabeças sobre o que poderia estar acontecendo na cidade: “roubo?”, “fuga de presos?” e até um possível assassinato. Tudo isso pela quantidade de policiais na rua. Eram mais de 100 policiais de todas as unidades Operacionais do Cone Leste Paulista. A ação teve início às 15h com término às 23h.

A imprensa regional não deu a informação hoje (embora já soubesse há alguns dias. A informação que a mídia tinha era de que não poderíamos divulgar a ação para não corrermos o risco de provocar fuga dos marginais), porém, hoje a autorização foi dada e as especulações começaram com várias pessoas assustadas pelas ruas. No entanto, mesmo avisando de última hora, por volta das 13h, a Assessoria da PM fez seu papel e o resultado foi o seguinte (até o momento da postagem deste texto):

Foram 15 pontos de bloqueios policiais, 43 estabelecimentos comerciais fiscalizados, 687 pessoas foram abordadas, uma pessoa presa em flagrante delito por porte ilegal de material bélico de uso restrito e uma pessoa procurada pela justiça foi presa. Oitenta e dois veículos e 282 motocicletas foram fiscalizadas, o que ocasionou em um veículo e 3 motocicletas apreendidas. Foram 364 condutores fiscalizados, sendo 18 autuados. No total, foram registrados 21 autos de infração de trânsito urbano.

Veja detalhes no trecho enviado em nota à imprensa:

“O indivíduo procurado pela justiça era foragido do Sistema Prisional de Taubaté/SP, estava sendo procurado pelo artigo 121 do CP, foi abordado na rua Santa Clara, bairro Santa Clara, por volta das 16:30 horas, sendo conduzido ao plantão policial onde permaneceu recolhido.

                        O material bélico de uso restrito, granada de morteiro, foi localizado por volta das 16:50 horas, no bairro Beira Rio, pela equipe comandada pelo do 1º Ten PM Martins, lotado no 23º BPM/I, o qual abordou um indivíduo em atitude suspeita, sendo constatado ter passagem pelo artigo 155 do CP. O artefato apesar das condições aparentes ainda estava ativo, estando pronto para uso conforme as informações passadas pelo 3º Sgt EB Luis Claudio, do 5º Batalhão de Infantaria Leve de Lorena/SP. O infrator da lei foi autuado em flagrante delito no plantão policial.

A  Polícia Militar agradece a colaboração da Comunidade que está contribuindo com o sucesso da Ação Força Comunitária PM Contra o Crime, ora em andamento.                                

                                            Lorena, 05 de maio de 2011.”

***Segundo informações do major Marcos da PM de Guaratinguetá, o armamento bélico de uso restrito foi encontrado em um barraco na Eufrásio Fernandes, próximo ao bairro Beira Rio. A região é considerada de alta incidência de crimes relacionados a roubos. Segundo informações oficiais, o rapaz com o qual foi encontrada a bomba, é de Guaratinguetá, porém, ele nega que seja dele e ainda não se sabe para qual finalidade seria usada.

Uma informação de última hora: essa operação chegou a um explosivo também em Canas, que foram deixados em um terreno baldio. Foram enconrados por engenheiros da empresa de artefatos, Órica de Lorena.

Registro aqui meus elogios à PM de Guaratinguetá pelo excelente trabalho desenvolvido e também o meu desejo de que essa ação fosse corriqueira, pois a sensação de segurança – sabendo do que estava acontecendo – pelo menos para mim, foi grande.

A população pôde perceber policiais altamente armados em seus veículos transitando pelas ruas da cidade. Essa ação tinha que continuar não somente em Guará, mas em toda região, ou melhor, em todo o país.

Afinal, segurança é um direito nosso e deveria ser prioridade.

Michelly Ribeiro — 05/05/2011 às 21h56.

P.S.: Me assusta a imprensa regional não fazer seu papel de alertar a população, já com a autorização para divulgar em mãos, para evitar tumultos; mas estou feliz em saber que a pouca divulgação ocasionou o sucesso da operação.

Nota oficial à Imprensa com os resultados da Ação – enviada às 23h50 do dia 05/05/2011:

“…Fundamentada em diretrizes e estratégias do Comando Regional, visando gerar inquietação à criminalidade e proporcionar sensação de segurança à Comunidade, a Ação Força Comunitária PM Contra o Crime contou com o efetivo de 140 policiais militares, que utilizaram 30 viaturas de Força Tática e 40 motocicletas da ROCAM.

Policiais Militares de todas as Unidades Operacionais do Cone Leste Paulista atuaram na cidade de Guaratinguetá nos locais com maior incidência criminal, conforme mapeamento efetuado pelas equipes de inteligência policial, procurando atingir metas de grande proporção de produtividade estabelecidas pelo Comando Regional.

Foram desenvolvidas diversas ações preventivas, abordando e fiscalizando veículos e pessoas em atitudes suspeitas.

                          Durante a Ação Força Comunitária PM Contra o Crime foram realizados 20 (vinte) pontos de bloqueios policiais, 79 (setenta e nove) estabelecimentos comerciais foram fiscalizados, sendo que 03 (três) foram lacrados e 02 (dois) notificados, 1062 (mil e setenta e duas) pessoas foram abordadas, sendo que 01 (uma) pessoa foi presa em flagrante delito por porte ilegal de material bélico de uso restrito e 01 (uma) pessoa foi presa por estar procurada pela justiça, 114 (cento e quatorze) veículos  e 399 (trezentos noventa e nove) motocicletas foram fiscalizadas,  no que resultou na apreensão de 01 (um) veículo  e 03 (três) motocicletas, no total de 513 (quinhentos e treze) condutores fiscalizados, sendo 18 (dezoito)  condutores autuados e 21(vinte e um) Autos de Infração de Trânsito Urbano confeccionados.

A  Polícia Militar agradece a colaboração da Comunidade que contribuiu com o sucesso da Ação Força Comunitária PM Contra o Crime.

                                            Lorena, 05 de maio de 2011″.

Infotrmações atualizadas às 00h03 do dia 06/05/2011.

Contatos:
(12) 9749-3912 / (12) 9104-6202 / (12) 8822-6263 / (12) 8195-2908

Anúncios