Vereador que abre mão do salário? É muito nobre!


Essa matéria saiu há algumas semanas no Jornal Notícias da cidade de Guaratinguetá/SP. Algumas pessoas me questionaram sobre o fato de eu não ter escrito nada a respeito. A minha resposta para elas é que não estava com inspiração e confesso que não estava inteiramente por dentro do assunto.

Com tantas “inverdades”, não sei se posso botar a minha “mão no fogo” por ninguém, por isso, só vou acreditar nas palavras deste vereador, que possui nobres intenções, depois de ver os fatos concretizados. No entanto, como cidadãos, cabe a nós a cobrança dessa atitude, uma vez que esta foi exposta ao público.

Seja para aparecer, por audiência, ou não, analisando por um outro ângulo; se todos os vereadores tivessem essa atitude, o Brasil se desenvolveria ainda mais. Investir um salário de R$5.321,00 brutos em obras sociais é para poucos. Já escutei tantas coisas às vésperas das eleições que me desanimaram, como muitos candidatos sem nenhum objetivo concreto, apenas pensando no próprio umbigo, afirmando que pretendiam “melhorar de vida” com o salário de vereador (a). Não precisamos ir muito longe. A vitória está sempre ao lado dos que estão na mídia, porque a ignorância do povo ainda é uma constante. Olha só: Tiririca, Romário, dentre muitas mulheres frutas na política sem saber exatamente o que fazem lá.

É muito louvável que um vereador, como qualquer outro político, reconheça seu papel de estar junto à população. É importante que este reconheça a política como um trabalho completamente voltado para o povo. E é extremamente importante que todo político tenha empregos paralelos a fim de que saibam muito bem como utilizar o dinheiro público.

Soliva, até o momento – de acordo com suas palavras – está representando bem todos esses ideais. E espero que ele não decepcione os esperançosos que ansiam por melhores condições, cumprindo suas promessas com louvor. E, dessa forma, que ele possa servir de exemplo para muitos outros políticos inexperientes e até mesmo os mais “rodados”.

Agora, além desta atitude nobre, faz-se necessário que ele também cumpra com seu papel de vereador, e saiba como bem distribuir o dinheiro público, não somente em favor dos mais necessitados, como também principalmente de toda a população guaratinguetaense, porque é para isso que ele está onde está.

Cabe à população cobrar cada um dos vencedores, os quais passarão a governar no dia 1º de janeiro de 2013, das suas promessas, afinal, existe uma diferença grotesca entre FALAR e FAZER.

Contato:
(11) 97343-3177

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s