O Elixir da Sabedoria


sabedoriaNão é a idade que determina a maturidade de alguém. O que distingue a maturidade da imaturidade é a qualidade das experiências vividas. E essas experiências te mostram o quanto você tende a cometer os mesmos erros sempre. A única coisa que vai mudar é a sua forma de lidar com cada um deles. Alguns chamam isso de vício; eu chamo de personalidade. Você pode querer mudar, e até mesmo tentar, mas sempre haverá algo para te levar àquele mesmo caminho. É realmente como um vício!

Você pode ter 40 anos e pensar exatamente como alguém de 20. Isso pode não significar muita coisa, até você agir como um adolescente sem sê-lo – o que também não é ruim desde que não seja inconsequente. E se por um acaso for inconsequente, a isso chamamos imaturidade.

Mas, as experiências te fazem enxergar a vida de uma maneira diferente, e arrisco dizer que se você se estudar, trabalhando suas virtudes, conseguirá também provocar mudanças profundas em si mesmo, deixando as tendências latentes. Como consequência disso, ocorrem transformações também ao seu redor. E isso tudo independe da idade que se tem.

Quanto mais se viver e se arriscar com intensidade, mais se pode crescer. Ficar parado de braços cruzados é o mesmo que reprovar em uma matéria chata por preguiça e medo de encarar aquela prova desafiadora.

Quando você se descobre como sendo uma pessoa de valor e consegue se sentir bem com sua própria companhia, saberá lidar melhor com tudo aquilo que os outros fizerem de você, porque a maturidade tem o poder de ampliar a sua visão.

Dessa forma, se algo não saiu como você acreditou que fosse ser – seja por mentira alheia ou por suas próprias ilusões – você simplesmente entende que aquilo não te merecia ou não te pertencia naquele momento. Você acredita no poder do dia seguinte, no milagre da sua sabedoria e entende que o acaso não existe, justamente porque vivemos uma sequência infinita de experiências que nos realizam enquanto pessoas, nos qualificando muito mais do que um documento de identidade diante dos olhos de quem realmente pode nos enxergar.

A sabedoria da vida consiste em seguirmos adiante quando algo nos força a ficar; procurarmos formas diferentes de ver a vida; assumirmos nossos erros e voltar atrás quando preciso; não deixar nenhuma situação pendente, sem que tenhamos a capacidade de dar explicações.

Isso é maturidade! E nada tem a ver com deixar ou não de ter medos, mas assumí-los. Nada tem a ver com deixar de viver o momento, mas também pensar no que se quer para o futuro, porque quando você sabe o que quer fica mais fácil de não se abandonar quando algo te derruba. Você levanta com mais certeza, com mais leveza, sabendo que o que deixou de ser não quer dizer que nunca foi, mas que apenas não passou de mais uma experiência para te potencializar.

A maturidade te permite ver soluções porque você acredita no que ninguém mais acredita. Você sabe que ser otimista nada tem a ver com ser sonhador, porque você confia nas pessoas. Elas podem até te enganar, mas também podem te surpreender.

Novas ambições sempre estarão a sua espera, assim como novas pessoas, novas histórias e infinitas memórias. Nada é estático e você não se sente mal por isso, porque entende que a vida tem um ciclo que te contagia de maneiras distintas, mas o resultado dessas confusões de sentimentos e sensações, que muitas vezes ocorrem, dependerá sempre muito mais de como você as encara do que de como você as recebe de imediato. Importa muito mais tudo aquilo que você faz com aquilo que te fizeram. Você é o único responsável pela autoria de sua própria vida. E esse romance merece ter um final feliz que depende exclusivamente de você.

Não reprima seus desejos e ambições, usando máscaras com o intuito de se mostrar defensor de ideias contemporâneas para agradar quem quer que seja. Não tenha vergonha de ser uma pessoa intensa e que busca um amor principalmente por se amar demais. Se você está bem resolvido, não há quem abale sua estrutura!

Talvez a alternativa para um vício seja a substituição por outro, ou simplesmente a descoberta de coisas (ou pessoas) que te motivem e/ou te levem rumo à expansão pessoal. Tudo depende do ponto de vista.

Contatos:
(11) 97343-3177
SKYPE: michelly.antunes.ribeiro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s