Luto e Perdas


A morte é um assunto ainda tabu na sociedade principalmente porque o ser humano ainda não consegue viver a plenitude dos momentos, que são sempre carregados de preocupações ou memórias. Ou seja, ou estamos presos no futuro, ou no passado, e isso atrapalha a vivência de novas experiências tão importantes e, muitas vezes, libertadoras.
Saberemos que estamos curados de nossas dores mais profundas quando passarmos a pensar na morte com mais frequência, no sentido de aproveitarmos melhor cada momento com a intensidade que ele merece, porque, mais importante que o destino, é a viagem. O durante pode nos trazer presentes incríveis!
Entendo que essa seja a lição do luto e das infinitas perdas que nos ensinam que a vida possui fases, momentos finitos que nos esclarecem, desde que estejamos atentos.
Lutos e perdas são faces da mesma moeda. São dores semelhantes, mesmo que singulares, pois cada um vivencia de maneira peculiar; sejam elas a morte de um ente querido até a perda de um emprego ou término de relacionamento. Não importa! São dores de rupturas que deixam cicatrizes, que para ocorrerem, precisam ser processadas…
Então, vivenciar o luto é tão importante quanto são os momentos cotidianos, porque é só quando falamos do que nos dói internamente é que seremos capazes de tirar a dor que é só nossa e dividirmos com quem pode nos escutar. Isso conforta, alivia e nos livra de doenças físicas, nos aproximando, inclusive, da sanidade mental.

Assista ao vídeo clicando na imagem:

luto

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s